Um novo início



Este blog começa com o fim de outro. Finalizei um acompanhamento de rendimento de quase dois anos e meio. O resultado segue no gráfico abaixo:

Clique para ampliar

44,22% no período, contra 34,71% do CDI e 17,83% do IPCA (de maio, pois junho ainda não foi divulgado). Fechamento realizado em 22 de junho de 2017.

Acredito que foi frutífera a caminhada, no sentido do aprendizado acumulado nesse tempo. Pois nesta semana acabei vendendo uma parte do meu patrimônio para adquirir um apartamento residencial, em condomínio com um amigo (eu sei, eu sei...). É um investimento - assim acredito - e sobre ele comento em um post futuro.

Antes, contudo, quero dizer o que pretendo com esse novo início de blog.

Primeiro, pretendo continuar postando os rendimentos da minha carteira. Alguns outros colegas questionam a utilidade de se preocupar com o rendimento. Defendem que o importante é o aporte. Bom, não discordo da importância do aporte – e nem há como discordar! A questão é que entendo que o rendimento é sim importante para o investidor. O custo de oportunidade no Brasil é gigante. E você só pode analisar a adequação das suas escolhas de investimentos se para tanto acompanhar a sua rentabilidade. Em que pese o que expus até agora, acho sim um esforço inútil se preocupar com a rentabilidade da sua carteira se você tem migalhas de patrimônio. O esforço para multiplicar migalhas beira a inutilidade. Aqui sim você tem que se preocupar em aumentar os aportes. Não perca muito tempo quebrando a cabeça com um patrimônio de dez mil reais. Usei esse dinheiro para obter oportunidades de salário melhor – cursos, livros etc.

Ainda sobre a rentabilidade, é um exercício relaxante para mim verificá-la e postá-la aqui no blog. Sem exageros, virou um hobbie.

Segundo, pretendo tornar esse espaço um mural de lembranças para o meu eu no futuro. Quero analisar o quanto meu pensamento mudou, os erros e acertos que cometi. Enfim, um diário – só que mais contido – que mostrará minha metamorfose. Daqui cinco anos irei retornar a leitura dos posts e, provavelmente, rir (apesar de que o choro não está descartado).

Terceiro, eventualmente postar o que penso sobre o que outros colegas escrevem.

Voltando ao tema da minha carteira, segue abaixo um gráfico de como o rendimento se encontra atualmente:



Para a compra do apartamento vendi todos meus fundos CDI, uma parte do tesouro SELIC, meus tesouros prefixados e - para manter minha alocação equilibrada – um lote de ações.

Escolhi vender minhas ações do Banco do Brasil. Adquiri elas em 30 de agosto de 2016. Encerro com um lucro líquido de 14,57% (contra 9,95% do CDI no período).


Para não ficar muito extenso, termino essa postagem aqui. Mais detalhes no encerramento do mês.

Um abraço a todos.

Comentários

  1. Senhor Risco, boa sorte com seu novo blog. Pegando caneta e caderninho pra aprender contigo! A rentabilidade da carteira está excelente. Vlw!

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, Pirata! Pena que não tenho muito o que ensinar. Para isso recomendo os blogs ao lado. Felizmente a rentabilidade foi boa, mas a do mês de junho promete descer ladeira abaixo. Abs!

    ResponderExcluir

Postar um comentário