Fechamento de Abril-18


Você é demitido e se depara com a seguinte situação: deve vender boa parte da sua aplicação em renda fixa e a outra parte dedicada a ações que pagam poucos proventos para aplicar o saldo em fundos imobiliários que lhe gerem fluxo de caixa enquanto não encontra uma realocação no mercado? Em tese, visando proteger o principal e usufruir dos frutos, mostra-se viável tal estratégia?

Pois é o que me passa pela cabeça. Não, ainda não perdi o emprego, mas sinto que há chances razoáveis de isso ocorrer ainda neste ano. E me veio essa solução acaso eu amargue um período na geladeira. A tristeza é que, acaso o pior ocorra, talvez eu tenha que vender minha parte no apartamento residencial que tenho em outro município (e ainda não alugado).

Enfim, peças do teatro da vida.

Em abril não aportei nenhum dinheiro novo. Também não comprei nada, de forma que o caixa que eu tinha do mês anterior foi acrescido dos proventos recebidos em abril (R$1.202,70 entre aluguéis, jcp e dividendos). O caixa está sofrendo os efeitos do tal custo de oportunidade, mas hoje ele é mais tolerável do que foi nos idos da Dilma.

Valorização da carteira em Abril-18: 0,83%
Valorização no ano de 2018: 5,92%
Valorização histórica (desde agosto de 2016): 33,55%

(Se considerar o imóvel no calculo da rentabilidade, ela seria de 0,58%, 4,05% e 28,05%, respectivamente)




Comentários

  1. Esperamos que você não seja demitido ou então caso seja demitido, que encontre logo depois um emprego melhor!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficar desempregado não é bom, mas não estou tão satisfeito com o atual trabalho. O medo é o período entre a demissão e nova função. Tanto pode ser um mês quanto um ano.

      Excluir
  2. Olá.

    Situação desagradável a de instabilidade no emprego em plena crise. Já passei por isto em plena crise de 2008 e o que me ajudou bastante foi a reserva de emergência. Se precisasse de utilizar o montante investido o faria.

    Espero que não perca o eMP rego, porém prepare o plano B.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 2008 causou estragos, hein!?
      Meu plano B é utilizar dos proventos para segurar o rojão rs

      Excluir

Postar um comentário