Pular para o conteúdo principal

Resultado de Fevereiro de 2019

INDICADORES RT
Rentabilidade em Fevereiro de 2019: + 0,27%
Rentabilidade anual: + 5,88%
Rentabilidade histórica (desde agosto de 2016): + 43,21%
Proventos recebidos no mês: R$ 636,28
Taxa de poupança do mês: 50%
Estou sentindo a crise. Este fevereiro foi o pior mês em comparação a quando comecei a trabalhar. Essa alta taxa de poupança se deve mais a um controle espartano de gastos do que uma receita muito elevada.
Em fevereiro, promovi mudanças na carteira:
  • Venda da minha posição de PRÉ-FIXADO 2021, com lucro de 6,50% em seis meses de investimento. Isso ajudou a segurar a carteira no positivo, a despeito da queda da bolsa.
  • Exercício do direito de preferência na nova emissão do FII GGRC11.
  • Compra do FII XPML11 da terceira emissão (aqui não consegui o lote mínimo, infelizmente).
As minhas Inflação-35 e Inflação-50 mantenho em carteira. Têm uma margem de gordura boa para o caso do Banco Central reduzir mais o juro.
Seguindo o ensinamento do AA40, vou escrever a minha Política de Investimento Pessoal. Creio que ela dará mais resiliência ao meu ser quando a crise apertar e tudo despencar.
No quesito leitura, ainda não terminei A Revolução Voegeliniana, do Ellis Sandoz. Mas não foi por preguiça, e sim porque atravessei a leitura do manual de introdução à ciência política do Adriano Gianturco: A Ciência da Política, uma introdução.
Estranhei a estruturação do texto, bem manualesco em tópicos. Contudo, a qualidade técnica é boa e gostei da clareza da escrita do autor. Ademais, é sempre prazeroso ler algo que foge do meu conforto de formação (direito).
Que março seja melhor que fevereiro. Abraço a todos!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FECHAMENTO - SETEMBRO DE 2018

Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos, um filme mais ou menos, um livro mais ou menos. Tudo perda de tempo. Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoração ou seu desprezo. O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia. Martha Medeiros Setembro nunca foi um mês bom em faturamento. Contudo, este surpreendeu e foi ainda pior. Imputo a culpa no clima eleitoral, pois sinto uma resistência nas pessoas em criar novas obrigações ou se aventurar judicialmente. Pudera, com a perspectiva de uma volta do PT ao poder, até eu estou perdendo um pouco de cabelo. Petista é, antes de tudo, um delirante (e, depois, um bandido), vide a entrevista que o Dirceu deu recentemente. Aporte pequeno em setembro. Com esse dinheiro novo comprei um pouco de HGLG11. Os proventos…

Dezembro 2018

Dezembro 2018 + 0,72 % Rentabilidade anual + 7,28 % E finalizamos 2018 com um desempenho de aproximadamente 113% do CDI. Satisfeito. A brincadeira fica mais chata se eu coloco o imóvel na conta. Com ele, a rentabilidade em dezembro fica em 0,5% e a anual em 5,33 %, ou seja, aproximadamente 83% do CDI. Ano esquisito esse 2018. Clima político pesado, amizades sendo rompidas, ânimos exaltados, crise econômica persistente e risco no meu emprego. Neste último quesito não ando muito empolgado para 2019 … Foi um ano muito ruim para a poupança, pois banquei a vida de rei. Foi um ano tão estressante que gastei muito em viagens e bebidas. Nada politicamente correto e uma heresia para alguém que pretende juntar dinheiro para mudar de emprego. Visitei alguns países na Europa e gastei R$27.086,00. Bebi excelentes vinhos, viajei em lugares encantadores, assisti a um belo concerto de ópera e remei em um lago patrimônio da humanidade. Chutei a porra do balde. Ahhhh Pouca vontade de escrever. Um feliz 2019 para…